Tradutor

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Neve de fogo





Neste frio abrasador
eu venho dos céus para
te cobrir com o meu amor

Uma neve tão branquinha
como flocos de algodão
E de fogo para aquecer
o teu doce coração

Se entregue a mim agora
como um rio ao mar
eu venho dos céus
somente para te amar

2 comentários:

  1. Não conhecia este poema de AMOR.

    Lindo poema.

    Beijo do ZÉ

    ResponderExcluir
  2. Querido amigo Zé, que bom te encontrar aqui.
    Beijos
    Neusa

    ResponderExcluir