Tradutor

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Um veneno mortal

                         Um  veneno mortal, por favor
                                  Um que me mate em segundos
                                  Não quero mais beber de ti 
                                  e morrer tão lentamente
                                  Que seja aqui e agora
                                  o fim daquela que
                                  aprendeu a amar
                                  E não sabe esperar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário